Minhas mãos não conseguem mais digitar corretamente no teclado, por que o suor tomou conta delas. Meu coração dispara. Meu corpo, por inteiro treme. Eu sei aonde você quer chegar. Mais não quero ser aquela garotinha “fácil demais”. Você disse que amava outra, então eu acreditei, mesmo assim amando você, mais acreditei. Isso não passava por meus planos. Então vejo suas primeiras palavras daquela estranha conversa que estávamos tendo...
Aumento o som, não quero que ninguém perceba que estou “estranha”. Meu estômago revira...
E então vejo que você quer que eu dê meu primeiro beijo... Em você! Digo que sim, pois amo-o...
Mais tenho medo, medo dos meus pais, se souberem medo de na hora do beijo dar tudo errado, medos, medos e mais medos... Observando atentamente o monitor de meu computador, vejo que você diz um: “TCHAU!”
Ainda tremendo, também digo “tchau!”
E por assim fica, marcado para um dia... Um dia qualquer... Que ainda não sei bem, um dia desses... Irei beijar você! Mais antes de sair, uma breve pergunta lhe faço: Você não gosta mais dela? E você rapidamente reponde: “Não, só a acho bonita!”
E assim, fica... Marcado!
MEU PRIMEIRO BEIJO, para um dia que não sei quando... Se é seu primeiro beijo, não sei... Mais, cá entre nós, bem que também poderia ser!


Um Comentário

Marina disse... [Responder comentário]

que fofo *-* AMEI . Você escreve muito bem menine! rs Parabéns.
Bjs